Páginas

6 de set de 2011

O Primeiro Seguidor do Blog...



Já escrevi num outro pensamento meu a respeito da rotina.

Sem dúvida, torna-se cansativo muitas vezes termos de repetir o mesmo ato muitas vezes em nossa vida.

Da outra vez que comentei sobre o assunto, disse que a principal atitude que devemos ter para fugir dessa situação, é mudarmos a nós mesmos.

Por exemplo, se no nosso trabalho existe uma rotina que não permite grandes mudanças, além de realizarmos as pequenas alterações que sejam possíveis e o podem torná-lo mais prazeroso, podemos tentar buscar nos momentos que não o estamos desenvolvendo, outros canais que nos propiciem prazer e consigam amenizar o stress do dia a dia.

E, entre tantos canais que existem, eu me encontrei na atividade de ser blogueiro...

Eu me considero ainda um principiante na blogosfera, mas, estive refletindo a respeito, e percebi que se trata de uma atividade onde passamos a quem nos visita virtualmente aquilo que acreditamos e buscamos em nossa vida.

E, para conseguirmos transmitir nossos sonhos e ambições de uma forma prazerosa a quem nos visita, existe uma primeira pessoa que temos de nos preocupar em agradar.

Trata-se da pessoa que nos acompanha desde que criamos o Blog.

Ou seja, trata-se de nós mesmos, pois senão estivermos de bem com nossas vidas, teremos muito maior dificuldade em passar aquilo que queremos transmitir a quem nos lê.

Não que seja um pensamento egoísta, ou mesmo que não devemos escrever quando nos encontramos chateados, frustrados com determinadas situações.

Não, o que quero dizer é que não podemos deixar o canal que escolhemos para fugirmos da rotina (e aqui digo no geral, não apenas referente ao blog), que se transforme numa atividade, que por obrigação temos de publicar algo porque nossos leitores esperam um texto nosso...

Sem dúvida, não podemos abandonar o blog e os leitores do mesmo, mas devemos sim postar algo alegre quando estamos alegres, postar um desabafo quando algo nos chateia, e não postar nada quando não estivermos com vontade.

Agindo assim, acredito que nossas postagens serão muito mais sinceras e os amigos virtuais perceberão isso, o que atrairá mais seguidores para esse canal.

Essa foi uma reflexão um pouco diferente das que realizo normalmente, mas, tive a vontade de fazê-la, agradando o primeiro seguidor do blog, e tentando fugir de uma rotina normal desse canal virtual...

Abs.,

Glauco.

4 comentários:

Fábio Siebra disse...

Olá Glauco

Blogar deve ser prazeroso e não uma obrigação assim os pensamentos fluem naturalmente e essa troca entre blogueiro e leitor se torna sincera.

Um Abraço

Mary Miranda disse...

Glauco,

Que post intimista!!!!
Adorei conhecer um pouco mais do seu "eu"...
Penso como você: devemos escrever como revela o nosso estado de espírito.
Sendo sinceros com nossas motivações estaremos, de alguma forma, sendo também com nossos leitores pois quem nos visita tem sede de "verdade" naquilo que lê!
É uma bela afirmação a sua, ao dizer que é importante fugir da rotina às vezes, ao invés de apenas agradar ao público e, por isso, acatando o que "quer" a maioria, não estando em acordo conosco, nossos sentimentos reais.
Foi muito bom você ter agradado ao seu "primeiro seguidor".
A minha "primeira seguidora" também aprovou!

Obrigada pelo post reflexivo!
E agrade ao "primeiro seguidor" mais vezes!

Grande abraço,

Mary:)

Maria Marçal disse...

Pois, embora sendo uma postagem diferente das habituais, diria que se reveste de uma verdade absoluta!

Escrever precisa e deve ser um ato promovido pela vontade e não pela obrigação,porque sua premissa é levar algo a alguém.. Desta feita não podemos oferecer se não temos o que dar.

Gostei demais. Obrigada.

Maria Marçal - Porto Alegre - RS

Samanta Sammy disse...

Olá meu querido amigo !!!

Adorei a postagem !!! concordo plena,mente contigo que blogar ou qualquer outro hobby deve ser feito para nosso prazer e diversão.
Um leitor uma vez disse que não entendeu meu blog, que era muito confuso e que não tinha objetivo ou finalidade... Bom, eu posto o que me dá na telha, se estou brava, desabafo, se estou feliz, compartilho, se aprendo algo novo, gosto de dividir com os amigos etc, enfim, se eu for optar por um só assunto só porque acham que meu blog é uma zona, estarei abrindo mão de agradar meu primeiro, fiel e querido seguidor, e vou acabar me frustrando ou tornando esta atividade tão gostosa em algo enfadonho.
Por isso assino embaixo do que disse, nós que temos blogs pessoais podemos nos dar a este luxo, de ser confusos, como fui chamada hehehe

Um abraçãooooo

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...